Fernando Zilveti foi entrevistado pelo Correio Brasiliense sobre o atraso no anúncio do programa de incentivos ao setor automotivo Rota 2030. Segundo o advogado, a demora faz sentido dentro do cenário econômico atual, tendo em vista o impacto que o  programa  pode causar nas contas públicas.

Confira a matéria completa:

Fonte – Correio Braziliense

https://goo.gl/ZsFfYt